{ Por que será? }

Eu estou parecendo criança na fase do porquê. Uma série de porquês ficam pulando na minha cabeça. Talvez inspirada num blog que eu visito sempre, o Mãe 24h, que sempre cria uns porquês com alternativas. Então me pergunto:

Sobre Mulheres Apaixonadas:
– Por que a mãe da Clara, que aporrinhou a novela toda e foi à formatura da filha (obrigada, Carolina!), não teve um chilique ao ver o beijo dela com a Rafaela?
– Por que a mãe do Fred, que sempre odiou a Raquel, não foi tomar satisfações com ela pela morte do filho? Aliás, por que ela não esbofeteou a professora quando ela disse que estava grávida?
– Por que a super peça “Romeu e Julieta” estava sendo ensaiada há meses, com várias pessoas, se só a Clara falou alguma coisa e a Rafaela suspirou?
– Por que só os maus podem acabar a novela sozinhos?
– Por que todas as mocinhas são magras?
– Por que o Manoel Carlos não fez a mulher com câncer de mama, no mínimo, prender o cabelo e usar uma peruca de verdade?
– Por que eu assisti essa novela????

Sobre o trânsito:
– Repito: por que as marmotas podem ter carteira de motorista?
– Por que as marmotas dirigem a 40 por hora na pista da esquerda?
– Por que a pista em que você está é sempre a que anda mais devagar?
– Por que o trânsito sempre está livre quando se está calma e horrível quando se está estressada?
– Por que as pessoas param em fila dupla?
– Por que as pessoas param na caixa amarela?
– Por que as pessoas param no sinal verde quando não tem ninguém na frente????

Sobre o totalmente inexplicável:
– Por que existem três tipos de “porquê”?
– Por que 95% dos filmes brasileiros têm putaria?
– Por que os homens são como são?
– Por que eu digo uma coisa quando quero outra?
– Por que quando eu tenho várias coisas pra fazer, logo aparecem mais 500 ao mesmo tempo?
– Por que quando eu quero dormir é hora de acordar?
– Por que quando eu quero acordar é hora de dormir?
– Por que minha gata corre feito louca pela casa?
– Por que a porra da globo.com insiste em não publicar o texto que eu quero?
– Por que eu sempre esqueço o que eu ia escrever????

Por que?

{ Apêndice }

Quando falei no Mãe 24h, pensei que seria totalmente injusto não citar os blogs que eu sempre visito. Desculpem as descrições, de repente alguém acha que não é nada disso que eu escrevi. Ah, de repente não é mesmo.

Bom, então lá vão, em ordem alfabética (peloamordeDeus, perdoem se eu esquecer alguém!):

Aisling: um rapaz que tem uns textos que mereciam ser musicados.

Another Blog: uma pessoinha que eu nem bem conheço, mas que sei que merece muita coisa boa – e os textos são ótimos!

Apontamentos: blog de um amigo meu que escreve muuita coisa pra mulher que ele gosta.

Appothekaryum: o dia a dia que você não sabe se é real ou imaginário.

Assuntoph: a menina parece uma revolução, ainda mais na cidade em que ela tá…

Caco Alfredo: provando que mulher entende de futebol (e de todo o resto também!).

Mãe 24h: uma mãe coruja que faz da maternidade uma piada.

Ninguém Presta… Inclusive Eu!?!?!: ainda não entendi bem qual é a do cara, mas adoro o blog.

Serotonina Zero: o cara tem umas idéias muito aleatórias sobre coisas mais aleatórias ainda.

Soda Cáustica: alguém com vários problemas como o meu e que tem textos “divertidos” (ela odiou uma pessoa que disse isso, mas é verdade!).

Tô Bloganu: o blog que me apresentou à maioria dos que eu visito hoje. De uma pessoa muito bacana que não gostou de mim logo de cara, mas agora acho que está tudo resolvido. Textos muito legais, mesmo (ou especialmente) quando a Syl está de mau humor.

Devo ter esquecido algum. Adiciono quando lembrar.

Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *